Entenda porque você deve visitar o ginecologista com frequência

ginecologista

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter

A visita ao ginecologista é indispensável para garantir a saúde e deve acontecer regularmente.

Segundo um levantamento realizado pelo Datafolha a pedido da Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo), cerca de 5% das mulheres adultas nunca foram ao ginecologista, o que equivale a mais de 4 milhões.  Cerca de 5,6 milhões não costumam ir ao ginecologista, embora já tenham ido anteriormente.

Esses dados mostram uma realidade difícil onde o acesso é dificultado e as informações são escassas. O resultado é um tabu de difícil transposição.

Contudo, a saúde da mulher é uma parte fundamental do bem-estar geral, e uma maneira crucial de mantê-la em dia é através das visitas regulares ao ginecologista. 

Foto: Freepik.

 

Por que e quando você precisa ir ao ginecologista?

Visitar regularmente o ginecologista não é apenas uma prática preventiva, mas uma forma de receber cuidados personalizados para a saúde feminina. Esses profissionais especializados estão equipados para identificar precocemente problemas de saúde.

É na consulta com um profissional da área onde é possível realizar exames específicos e a mulher será orientada sobre questões relacionadas à saúde reprodutiva, contracepção, menopausa e muito mais. Por isso, a frequência recomendada para consultas ginecológicas varia de acordo com a faixa etária e o histórico médico individual.

Em geral, é recomendável que as mulheres iniciem suas visitas ao ginecologista na adolescência, por volta dos 13-15 anos, ou logo após a primeira menstruação. Essas visitas devem ocorrer anualmente ou conforme a orientação do médico.

 

Exames realizados em consultas ginecológicas

Durante as consultas ginecológicas, uma variedade de exames pode ser realizada, dependendo das necessidades individuais da paciente. Alguns dos mais comuns incluem:

Exame pélvico

Avaliação manual dos órgãos reprodutivos, como o útero e os ovários, para detectar anormalidades, inflamações ou tumores.

Exame de mamas

Exame físico para detectar quaisquer alterações nos seios, além de orientação sobre a realização de auto exames mamários.

Ultrassonografia

Técnica de imagem que utiliza ondas sonoras para visualizar os órgãos internos, incluindo o útero e os ovários.

Exames de sangue

Podem incluir testes para avaliar os níveis hormonais, a função da tireoide e a presença de infecções.

Foto: Freepik.

 

Exame preventivo do câncer de colo uterino

O exame preventivo do câncer de colo uterino, comumente conhecido como exame de Papanicolau ou preventivo, é um dos exames mais importantes realizados em consultas ginecológicas. Este exame visa detectar precocemente alterações nas células cervicais que podem indicar câncer cervical ou outras condições.

Durante o exame, o médico coleta células do colo do útero, que são posteriormente examinadas em laboratório. Embora possa gerar ansiedade em algumas mulheres, é importante destacar que o procedimento é rápido, geralmente indolor e fundamental para a prevenção do câncer cervical.

A ansiedade em relação ao exame é comum, mas há várias maneiras de tornar a experiência mais tranquila e menos estressante. Como, antes do exame, conversar com o médico sobre suas preocupações. Um profissional experiente saberá como explicar o procedimento, responder a perguntas e oferecer apoio emocional.

Também é importante contar com um ginecologista em quem você confia, isso faz toda a diferença. A confiança mútua costuma reduzir a ansiedade e tornar a visita mais confortável.

Sempre escolha um horário do dia em que você se sinta mais relaxada e menos pressionada por compromissos. Isso é fundamental e pode garantir um processo mais tranquilo e seguro.

No momento do exame e mesmo depois, pratique técnicas de respiração profunda para ajudar a relaxar os músculos e diminuir a tensão. Caso exista necessidade, você pode utilizar seus fones de ouvido e escutar uma playlist relaxante para manter-se calma.

Outra dica é concentrar-se em um ponto no teto. Isso ajuda a distrair sua mente durante o procedimento.

 

As consultas regulares ao ginecologista são uma parte essencial do cuidado com a saúde feminina. Além de oferecerem prevenção e detecção precoce de problemas de saúde, elas proporcionam um ambiente seguro para discutir preocupações específicas e receber orientação personalizada.

Cuidar da saúde feminina é um ato de autocuidado que merece ser abraçado com confiança. Por isso, contamos com um quadro especializado e profissional que poderá te acompanhar nesse processo e te tranquilizar.

Agende sua consulta e cuide do que mais importa: Você!

 

Outubro Rosa: Entenda como é feita a mamografia

Se inscreva na nossa newsletter

e fique por dentro das últimas e principais notícias

Mais notícias

imunidade
Uncategorized

Como fortalecer a imunidade?

Já se perguntou por que algumas pessoas parecem raramente ficar doentes, enquanto outras pegam cada resfriado que aparece? A resposta pode estar na sua imunidade. 

Nossa missão é
cuidar da vida!

Conte sempre com o
Centro Hospitalar São Camilo!

icon tomografia

Resultado exame de imagem

1340095

Resultado exame de laboratório